sexta-feira, 14 de julho de 2017

Vacaria dos SONHOS???????? Ou a Vacaria dos DESAFOROS?

Vacaria dos SONHOS???????? Ou a Vacaria dos DESAFOROS?

Ultimamente temos visto inúmeras postagens de descontentamento com a Vacaria, mais precisamente com o seu organizador da gineteada, preço alto, (altíssimo, fora da realidade do orçamento familiar). Como já ouvimos muito por ai, “- Ano passado fui a todos os dias lá com R$ 1.000,00 e ainda montei”. Então meu amigo, esse ano não vai dar!


Falamos de uma Vacaria, essa sim dos sonhos no ano de 2016, ginetes convidados, não pagaram Inscrição, os ditos amadores pagaram um valor acessível e tiveram ótimos prêmios e ainda os melhores foram de graça ao segundo final de semana, cavalhada de ponta, juízes qualificados e tudo mais… Mas aí estamos falando de uma escola diferente, uma escola onde ginete não pagava nada e ainda concorria a carros e motos, enfim, os tempo mudaram… Mas ao ponto de chegar a R$ 1.000,00 para montar um cavalo que tu nem sabe o que vai fazer? Ao ponto de valer um carro só?
Isso o Herval já deu esse ano, carro, moto, os melhores profissionais e cavalos de ponta a R$ 600,00.
Ademar Lazzarotto, Jairo Sais dentre tantos outros organizadores com a sua equipe merecem total reconhecimento.


Agora falamos do cenário atual, um organizador de eventos cujo hoje sua rejeição chega a 90%, e isso nem precisamos fazer pesquisas, e isso não é o Volta de Honra que está dizendo, isso são todas as postagens do Facebook, conversas paralelas e tudo mais… A falta de caráter, por parte do mesmo é algo que todos comentam.
Uma postagem no Facebook essa semana tem mais de 150 compartilhamentos, quase 1000 curtidas e mais de 150 comentários, todos em apoio aos ginetes, e em destruição a gineteada da Vacaria e seus organizadores.

Leia abaixo a ENTREVISTA do patrão Pingo Resende a rádio Esmeralda.
“O patrão da campeira do CTG Porteira do Rio Grande, Clodoaldo Rezende (Pingo), confirmou que os mais de 500 terrenos para acampamento na área campeira, já estão sendo comercializados. Ele disse que os valores são diferenciados conforme a localização de cada um, mas a procura já é grande.
Pingo Rezende também falou sobre as inscrições para as competições campeiras nas diversas modalidades que já estão abertas e podem ser feitas através do site do CTG Porteira do Rio Grande e do Rodeio. O competidor pode se inscrever antecipadamente e pagar com cartão de crédito.
Uma polêmica entre os ginetes que irão competir no rodeio é o valor que está sendo cobrado pelas inscrições. Os ginetes que irão competir a partir da quarta-feira dia 31 de janeiro de 2018, terão que pagar R$ 1.100 reais de inscrição.
O patrão Pingo justificou que o valor pode ser um pouco elevado, porém os custos são muito elevados, desde o aluguel de cavalos, transporte e premiação. Pingo afirmou ainda, que certamente todos os ginetes conseguem patrocínio para participar das gineteadas devido a magnitude do evento”.


E agora??? Como se fosse fácil arrumar um patrocinio de R$ 1.000,00… Se hoje em dia não se arruma nem um de R$ 300,00.
Sem contar em nível de ginete, fama ou por ganhar prêmio, pois para os ginetes novatos ou com menos expressão dentro do cenário da gineteada então fica pior ainda.
Será que não estão se abusando da Vacaria, ser a Vacaria e “meter a faca” em todos…
Os terrenos são uma fortuna, as inscrições também, os preços dos profissionais são os mesmos, por que isso é basicamente tabelado… enfim, quem faz rodeio sabe bem disso.

Porque que rodeios privados conseguem e com êxito, fazer bons rodeios e ainda dar bons prêmios e agradar a todos e a “Copa do mundo” com todos os patrocinios possíveis, espaço de comércio com valor acima de qualquer outro evento, e ainda apoios governamentais não conseguem?!

E dentro destes R$ 1.000,00 … Certamente deverá estar as 15 melhores tropilhas do estado, os 5 melhores avaliadores, os melhores narradores, palanqueiros, alimentação para os ginetes todos os dias e alojamento. Bom, aí sim começa a se justificar algo.
Mas provavelmente não, algumas tropas boas e outras em troca de favor, ou muito para ganhar dinheiro em cima dos menores, ou uma junção de tropilhas onde tem 1 ou 2 cavalos bons ou meia boca.
E as esporas serão fornecidas pelos organizadores? Ainda tem mais essa!



Parabéns aos ginetes que já possuem as suas vagas garantidas e aos rodeios que ainda estão junto com esse projeto. Mas e os demais ginetes, como farão? Não vão!


Mas e agora, o que será feito??? Existem algumas maneiras de tentar se fazer algo, basta ter a união entre os ginetes, união está que hoje não se tem. Não existe mais, alguns se ajudam e outros não, mas tá na hora de mudar os rumos para o bem de todos.


6 comentários:

  1. Baita reportagem falo tudo
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Jose claudio lopes14 de julho de 2017 14:46

    Isso ae �������� parabéns pelas palavras !

    ResponderExcluir
  3. Com os valores cobrados hj em dia fica complicado ou o ginete paga inscrição ou a boia do mês para sua família, para topar as vezes cavalos de carreira ditos reservados!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Publiquei em ânimo por não ter uma conta me chamo Thiago Bom sou de Jaguarão Rs

      Excluir
    2. Publiquei em anônimo por não ter uma conta me chamo Thiago Bom sou de Jaguarão Rs

      Excluir
  4. Buenas, posso "roubartilhar" esta postagem e publicar no meu portal http://www.identidadecampeira.com.br/? A tempos larguei de mão a lida da gineteada, além de caro, muitas panelas entre alguns tropilheiros e ginetes. Assim como muitos festivais estão se perdendo no Rio Grande do Sul, a cultura da gineteada também se perde por ganância e mal administração de alguns organizadores. Mas deixo bem claro, somente pouquíssimos usufruem desta falcatruagem.

    ResponderExcluir